terça-feira, 7 de setembro de 2010

O começo abstrato, o meio abstrato e o fim.

Odeio feriado com cara de domingo, me dá raiva. É a mesma raiva que sinto contra as formigas. Queria poder queimar todas as formigas que invadem a minha pequena cozinha. As que se atrevem a entrar nos meus copos sujos de doce? Quero mata-las. Como quero matar esse tédio. Queima-lo, o fazendo encolher até desaparecer entre as chamas. Posso ser uma sádica sedenta pela matança de insetos irritantes? Não. Eu só não quero ser incomodada. Hoje não. Porque eu não quero abraços, não quero que diga que me ama, e também não quero ser irritada por formigas. Eu quero me encolher em meio as chamas. Esqueça o tédio, o problema é comigo. Como a minha falta de tudo. De fazer, de viver, de querer. 
O sorvete azedou e a Kate Nash é uma chata de tão fofa. Não gosto dela. A semelhança entre nós é suficiente para eu a detestar, mesmo que não a paro de escutar. "Garoto eu quero um beijo teu. Não quero um amor, quero apenas ser tocada" mas ainda a detesto. Como posso? Não sei. Não falo nada mas digo tudo. Como posso? Não posso. Apenas acontece. É a poesia da vida. Poesia que nada, o nome disso é ironia. Mas o divertido é as palavras bonitas em textos que não há significado algum. 
Eu prometi que não escreveria hoje. Mas talvez, eu tenha feito essa promessa com a justa intenção de quebrar-la. Por que posso? Porque mato formigas. 

4 bolhas estouradas:

onourcloset disse...

Que liiiixo genial, rs.

MaressaBrito disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK, zuei.
serioo! ficou bemmm MANIACA DAS FORMIGAS, e isso me divertiu, na vdd vc me diverte...
atéé gritando loucamente no VACA que.... kkkkkk
dexa p láá. mas... OOOOPS isssooo n é lugar de se revelar, isso era apenas p ser um comentáário medíocre de BLOG??? ah sim! me esqeci completamente que isso é um BLOG e n um confessionário ou orkut que merece depô.
enfim... AH! ficou mto bom! :*

isabella M. disse...

hmm me lembrou minha diva inspiradora, clarice. Continue assim. Bem irônica, rs.

Letícia Lovegood disse...

Coitadas das formigas, Geovanna.

Obrigada por comentar no blog. Foi muito bom conhecer você melhor.

Seguidores